Ó profundidade das riquezas, tanto da sabedoria, como da ciência de Deus! Quão insondáveis são os seus juízos, e quão inescrutáveis, os seus caminhos! Porque quem compreendeu o intendo do Senhor? Ou quem foi seu conselheiro? Ou quem lhe deu primeiro a ele, para que lhe seja recompensado? Porque dele, e por ele, e para ele são todas as coisas; glórias, pois, a ele eternamente. Amém! - Romanos 11.33-36.

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Segure minha mão





Deus, segura em minha mão, pra eu não cair. E se eu cair, agarre forte a minha mão e me erga de novo.

Sufoco o grito, esgano o choro, me escondo em mim mesma

Pra eu sequer viver, tenho que me trancar dentro de mim mesma e colocar um sorriso no rosto para enfrentar as alegrias de cada dia. Pra eu ao menos respirar, sufoco o grito e esgano o choro, esperando o dia da minha redenção chegar.

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Pai, perdoa!


Pai, perda-me, porque pequei, novamente. O bem que eu quero fazer, não consigo, mas o mal que não quero, este está sempre diante de mim. Ele vem não sei de onde, e me assola de maneira inesperada. Quando penso ter me libertado dele, ele me arrebata. Ajuda-me, Deus, pois quero pensar e fazer o que glorifica a ti. Quero viver Filipenses 4.8. Ajuda-me, Espírito Santo! Pai, perdoa-me!
Minha vida está encaixotada.

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Esperança e fé?

Estou cansada de estar exausta.
Estou cansada de não fazer nada.
Estou cansada de querer ganhar o mundo e, no entanto, no poço estar cada vez mais fundo.

Eu sonho com uma vida diferente.
Um sonho que nunca se realizará,
Uma vida que nunca nascerá.

Sem esperança, sem perspectiva, sem fé.
Eu me drogo.
Algo para aliviar minha dor.
Um seriado que me tira da realidade, e me leva par um mundo acolhedor.