Ó profundidade das riquezas, tanto da sabedoria, como da ciência de Deus! Quão insondáveis são os seus juízos, e quão inescrutáveis, os seus caminhos! Porque quem compreendeu o intendo do Senhor? Ou quem foi seu conselheiro? Ou quem lhe deu primeiro a ele, para que lhe seja recompensado? Porque dele, e por ele, e para ele são todas as coisas; glórias, pois, a ele eternamente. Amém! - Romanos 11.33-36.

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

O poder EM Deus


TUDO POSSO NAQUELE QUE ME FORTALECE - um dos chavões prediletos para os defensores de riqueza, saúde e sucesso incondicionais na vida dos "crentes". Contudo, o versículo formado por estas mesmas palavras está inserido num contexto que nos ensina que seu autor, nosso prezado irmão Paulo, REALMENTE TINHA O PODER para suportar, e com alegria e fé, todas as coisas naquEle que o fortalecia: ele tanto PODIA ter parte em um grandiosíssimo banquete, como podia passar fome; ele tanto tinha a CAPACIDADE de estar muito bem vestido, como de passar frio; ele tanto SABIA falar para os maiorais, como ser açoitado e expulso de cidades por causa do Evangelho; ele tanto CONSEGUIA aceitar o bem de Deus como o espinho na carne.; ele tanto sabia ser exaltado, como humilhado e caluniado; ACEITOU ter amigos, e aceitou se abandonado. E tudo isso com cânticos de louvor em seus lábios. Ele podia passar por qualquer situação de aflição ou por qualquer circunstância adversa e usar tais momentos para a glória de Deus, cumprindo Seu chamado, SEMPRE, sem ficar "chateado" com Deus. E quanto a nós? Realmente podemos todas as coisas naquEle que nos fortalece?

Algumas referências bíblicas: Fp 4.13; At 16; II Co 6.5;  II Co 12.7-10; II Tm 4.

Nenhum comentário:

Postar um comentário